Acne: quais desses hábitos você tem?

Alguns hábitos fazem as acnes serem mais frequentes na sua pele. (Créditos: Google).

Você sofre com a acne no rosto? Sabia que algum dos seus hábitos pode estar conspirando para que elas sejam mais frequentes? Vou te contar tudo a seguir!

O que é a acne?

A acne é uma das doenças de pele mais comuns, atinge quase todo o mundo em algum momento da vida. Ela acontece quando as glândulas sebáceas produzem uma quantidade excessiva de oleosidade que, ao se misturar com as células mortas da pele, acaba causado obstrução dos poros. Então, as bactérias que fazem parte da flora cutânea causam a inflamação na região, resultando na formação de espinhas.

O que fazer para evitá-las?

Algumas atitudes que parecem inofensivas podem ser responsáveis por piorarem as inflamações e até deixarem cicatrizes e machucados na face. Risque esses hábitos da sua lista:

Espremer espinha: sei que é quase inevitável encontrar aquele pontinho amarelo no rosto e não querer apertá-lo. Nossas mãos e unhas estão repletas de bactérias e impurezas, e quando em contato com a espinha, acabam agravando a inflamação. Cutucar as pústulas pode gerar cicatrizes que permanecem a longo prazo no rosto.

Passar a mão no rosto: levar a mão ao rosto a todo o momento pode trazer prejuízos para a sua pele. Carregamos muitas bactérias nas mãos e, ficar passando em locais com espinhas pode piorar a inflamação ou trazer mais acne. Além disso, o toque ajuda a estimular a produção de sebo pelas glândulas sebáceas, deixando a pele mais oleosa.

Não manter uma rotina de limpeza da pele: para manter o rosto livre de acne é fundamental manter a higiene da pele em dia, não apenas tratá-la quando ela aparecer. Dessa forma, busque criar o hábito de lavar o rosto com produtos adequados. Prefira produtos neutros específicos para tratar as espinhas.

Lavar o rosto em excesso: ao contrário do que muita gente pensa, lavar o rosto várias vezes ao dia é um dos responsáveis pelo efeito rebote, em que a pele pensa que está sendo agredida e acaba produzindo mais sebo para se proteger. Lavar o rosto pela manhã e à noite já é o suficiente.

Não hidratar a pele: por achar que a pele oleosa não precisa de hidratação, muitas pessoas acabam pulando essa etapa em sua rotina. Justamente pelos produtos anti-acne deixarem a pele mais seca, esse é o principal motivo pelo qual a hidratação é indispensável. Dê preferência para fórmulas mais leves, como gel-creme ou loção.

Não usar proteção solar: quem tem acne deve usar protetor ao se expor ao sol, já que a radiação UVA e UVB podem promover o aparecimento de manchas nos locais das lesões. Além disso, a exposição solar incentiva a produção de óleo, aumentando o visual brilhoso do rosto.

Não tirar a maquiagem antes de dormir: essa atitude de deitar-se maquiada pode ser responsável pelo surgimento de algumas espinhas nos dias seguintes. Isso acontece porque a maquiagem entope os poros da pele e não deixa que o sebo produzido pelas glândulas sebáceas seja eliminado, causando uma inflamação que leva ao aparecimento da acne.

Alimentação gordurosa: alguns alimentos podem contribuir para o aumento da produção de sebo e contribuir para o aumento da produção de sebo e evitá-lo em grande quantidade é uma saída para que isso não aconteça. Comidas que elevam muito o nível de açúcar no sangue, como doces e carboidratos, são alguns deles. Essa reação do nosso organismo ao açúcar acontece porque quando é consumido, o pâncreas precisa produzir mais insulina para que a digestão seja feita. O problema é que esse hormônio em grande quantidade no sangue incentiva a produção de gordura, deixando a pele mais propensa à acne.

Gostou? Deixe o seu comentário!

Não esqueça de seguir a Yep Cosméticos nas redes sociais.

Forte abraço e até a próxima!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *